Tabelião de Barueri integra Comissão representativa do Brasil nas Américas

O Conselho Federal do Colégio Notarial do Brasil (CNB-CF) indicou oficialmente os nomes dos notários indicados a representar o Brasil nas comissões de trabalho da Comissão de Assuntos Americanos (CAA) – órgão da União Internacional do Notariado (UINL) nas Américas – para o triênio 2017-2019.

Danilo Kunzler, tabelião de Notas da cidade de Estância Velha, no Rio Grande do Sul, conta que se candidatou à comissão de Financiamento e Comunicação visando à cooperação com a categoria. “É uma comissão responsável por orçamentos, patrocínios, sendo primordial a diversos processos. Espero poder representar a classe da melhor forma”, afirmou.

Para Andrea Giglioti, que nesta semana está se mudando para o Tabelião de Notas do Distrito de São Miguel Paulista, na zona leste de São Paulo, integrar a comissão de Direitos Humanos é poder realizar uma troca de experiências com os demais países. “Estou ansiosa por essa escolha. Anseio em fazer parte da comissão para levar e principalmente trazer novas ideias a partir do contato com colegas de outros países”.

Quem também visa a troca de experiências é Ângelo Volpi Neto, do 7º Tabelionato de Notas de Curitiba, no Paraná, indicado para a comissão de Informática e Segurança Jurídica. “A tecnologia está sempre em expansão e nossa profissão será profundamente impactada pela assinatura digital. Procuramos uma melhor integração com relação ao trâmite de documentos notariais, em especial no Mercosul”, destacou.

O presidente do CNB-CF, Paulo Roberto Gaiger Ferreira, destaca que o intercâmbio do notariado brasileiro é essencial para o desenvolvimento da atividade. “Conhecer a realidade dos demais países e avaliar o que pode ser trazido ao Brasil ou quais foram as soluções encontradas para problemas semelhantes são vitais para o futuro da nossa atividade”, destacou.

A CAA reúne-se duas vezes ao ano em diferentes países do continente americano e suas comissões atuam com o objetivo de promover o intercâmbio entre os notariados das Américas. Em 2017, as reuniões ocorrerão em março, na cidade mexicana de Oaxaca, e em novembro, em Cancun, também no México. É obrigatória a participação em pelo menos uma delas.

Veja abaixo a representação do Brasil nas Comissões de Trabalho da CAA:

1) Academia Notarial Americana
Carlos Fernando Brasil Chaves – Campinas (SP)
Ubiratan Guimarães – Barueri (SP)
Milton Lamanauskas – São Miguel Arcanjo (SP)
Márcio Pires de Mesquita – Indaiatuba (SP)

2) Integração e Tratados
Arthur Del Guércio – Itaquaquecetuba (SP)
Evandro Azevedo – Porto Alegre (RS)

3) Financiamento e Comunicação
Danilo Kunzler – Estância Velha (RS)
William Campangne – Campinas (SP)

4) Informática e Segurança Jurídica
Filipe Andrade Melo – Recife (PE)
Angelo Volpi Neto – Curitiba (PR)
Ivanildo Figueiredo – Recife (PE)

5) Acesso a Função Notarial
Demades Mario Castro – Bauru (SP)
Letícia Maculan – Belo Horizonte (MG)

6) Direitos Humanos
Andrea Gigliotti – Santa Rita do Passa Quatro (SP)
Jenifer Castellan de Oliveira – São Leopoldo (RS)

7) Regularização Fundiária
Daniele Firpe Johnson – Igarapé (MG)
Breno de Andrade Zoehler Santa Helena – Planaltina (DF)

Fonte: CNB – CF