Protesto em cartório – Quais dívidas posso protestar?

O Protesto de Títulos é um dos procedimentos que mais recupera créditos para as pessoas físicas e jurídicas que receberam um calote. E ainda oferece o benefício de ser gratuito para quem protesta. Somente o devedor é que arca com as despesas da dívida e custas do cartório. Mas quais documentos podem ser levados a protesto em cartório?

Para quem trabalha com cobrança fica mais fácil conhecer os inúmeros documentos que podem ser protestados por falta de pagamento, mas para quem é de outra área o assunto não é tão simples assim. Com o objetivo de auxiliar a população sobre quais documentos podem ser levados a protesto em Cartório, o 1º Tabelião de Notas e Protesto de Barueri listou alguns títulos passíveis de serem cobrados via Cartório.

Entre os mais comuns estão as duplicatas mercantis, que são muito utilizadas por empresas de diversos ramos na cobrança de clientes; o cheque, que apesar de não ser mais tão usual hoje em dia ainda tem muitos adeptos; o contrato de fiança, que é muito frequente em negociações de aluguel de imóveis; e a nota promissória, que consiste numa promessa de pagamento a ser cumprida.