CNB-CF visita as sedes do notariado de Madri e da Catalunha

Clique aqui para acessar a galeria de fotos

Associação obrigatória e prestação de novos serviços tecnológicos permitiram a instalação de sedes exemplares para os dois Colégios

Madri e Barcelona (Espanha) – A visita à Espanha da comitiva brasileira, coordenada pelo presidente do Conselho Federal do Colégio Notarial do Brasil (CNB-CF), Ubiratan Guimarães, e composta pelos notários Filipe Andrade Lima Sá de Mello e Paulo Roberto Gaiger Ferreira, acompanhados do gerente executivo do CNB/SP Rodrigo Villalobos, possibilitou não só conhecer os avançados sistemas tecnológicos do notariado espanhol, mas também a grandiosidade dos dois principais Colégios Notariais do País, de Madri e da Catalunha.

Acompanhado pelo notário da capital espanhola Álvaro Lucini Mateo, a comitiva brasileira visitou as excelentes instalações do Colégio Notarial de Madri,localizado em um dos bairros mais nobres da cidade. Composto por todos os notários da região onde está a capital espanhola, destacam-se suas ornamentadas salas, antessalas e biblioteca, além de um belíssimo auditório para reuniões, digno da suntuosidade Europeia. .

Em Barcelona, os brasileiros estiveram acompanhados pelo decano presidente do Colégio Notarial da Catalunha, Joan Carles Ollé Favaró. Um prédio renascentista, com pinturas expressionistas dos principais atos da histórica do notariado catalão é a sede dos 34 notários da região, localizado na Rua do Notariado, uma homenagem da cidade à profissão notarial. “Hoje o Colégio de Notários, como também o notariado, é uma instituição moderna e aberta a todos as mudanças que se operam na realidade do País, explica Favaró.

A sede comporta ainda a sede da Fundação dos Notários da Catalunha, voltada ao apoio às pessoas que necessitam de auxílio e o Departamento de História, que conta com equipe própria e um acervo com documentos da época medieval do notariado, armazenado em um arquivo climatizado e de exemplar conservação. A entidade dispõe ainda de setor voltado à pesquisa dos documentos históricos e recebe estudiosos interessados na história da Espanha, retratada pelos documentos notariais.

As instalações contam ainda com um amplo auditório para treinamento, biblioteca e salas de reuniões. Uma pequena amostra do imensurável valor dos protocolos espanhóis foi apresentada à delegação brasileira. Entre eles documentos de compra e venda de importantes locais da cultura catalã, assim como do próprio notariado.

Fonte: CNB-CF